Mendigo agredido por personal dá 1ª entrevista e conta sua versão

O morador de rua, que é baiano, contou que foi casado, tem uma filha de 28 anos, e peregrinou por cidades da Bahia, Tocantins, Minas e Goiás até chegar a Brasília. Na capital federal, ele estaria vivendo uma rotina nas ruas entre abrigos públicos e casas de passagens.

Em função da briga com o personal, Givaldo teria sofrido um edema no olho e ficou com a costela quebrada. Questionado se estaria arrependido de estar envolvido no caso, o homem disse que, se pudesse, não teria olhado quando a mulher o chamou.

“Se eu pudesse, não olharia para trás, para aquela voz” , completou Givaldo

Confira a entrevista completa:



Rosquinha

Rosca doce deliciosa

Modo de Preparo Numa tigela, deposite a farinha de trigo. Abra uma cavidade no centro da tigela, deposite o fermento, o leite, misture até obter

Leia Mais »
Lanches

PÃOZINHO DE PIZZA

MODO DE PREPARO: Reserve o trigo. Em um liquidificador, (ou batedeira ou até na mão mesmo) coloque todos os ingredientes menos os para recheio e

Leia Mais »